No último sábado, 18, conforme já citado por esse blog, aconteceu o FrontInRio 2011. Esse evento foi o primeiro com foco em desenvolvimento client-side em terras fluminenses. O evento que reuniu cerca de 170 inscritos, aconteceu na UniRio, no bairro da Urca e contou com 12 palestras de grandes nomes do cenário local. As palestras foram divididas em duas salas, cobrindo assuntos de nível básico ao avançando.

O evento começou com as apresentações de Maujor e André Fonseca. A palestra do primeiro apresentou o tema @font-face e a do segundo foi sobre Testes unitários com javascript, usando o Jasmine.

Em certos momentos ficou difícil de escolher em qual sala ficar,
além desse fato, tiveram palestras que não assistir devido a grande lotação da sala, como foi o caso da palestra sobre WTF
Javascript com Leo Balter. As palestras que assisti foram:
Desbravando o HTML5 Boilerplate com Zeno Rocha, Android UI Design Patterns & melhores Práticas com Oscar Marques, Seletores com Fábio Costa, Animações e Jogos além do canvas com Andrews Medina.

Android UI Design Patterns & melhores Práticas com Oscar Marques

Oscar apresentou boas praticas sobre desenvolvimento com Android, trazendo várias formas de como utilizar elementos gráficos do sistema operacional Android.

Desbravando o HTML5 Boilerplate com Zeno Rocha

Zeno apresentou conceitos sobre técnicas do html5, apresentando um hands on para mostrar a estrutura do html5. Falou sobre o build script, uma ferramenta bacana
para compressão de arquivos. Apresentou também o Mobile boilerplate. Além da utilização do boilerplate com wordpress, rails, drupal e django.

Seletores com Fábio Costa

Fábio várias formas de otimização de seletores, com uma palestra que interagiu bastante com o público presente. Foi uma palestra com um bom nível técnico, apresentando abordagens de seleção top-down e bottom-up, além é claro de boas praticas de otimização. Falando ainda sobre as engines Slick (usado pelo mootools) e a Sizzle (usado pelo JQuery).

Animações e Jogos além do canvas com Andrews Medina

Andrews Medina trouxe vários pontos legais sobre como usar CSS transforms, transitions, animations para o desenvolvimento de jogos usando as CSS3, além de fazer um comparativo com o desenvolvimento de jogos usando Canvas. Os códigos de sua palestra podem ser conferidos no github dele.

Canvas vs SVG, comigo

Apos minha palestra no BrazilJS, percebi que poderia fazer uma específica sobre um dos slides da mesma. Sendo assim apos o convite do Leo Balter, para eu apresentar uma palestra no FrontInRio, escolhi esse tema. Comecei apresentando sobre alguns conceitos que seriam relevantes para o entendimento, mostrei também as principais diferenças entre as duas técnicas, o suporte aos browsers, libraries tanto para SVG quanto para Canvas, um hands on cujo código pode ser encontrado em meu repositório no github para palestras.

E mais uma vez a Globo.com contou com um grande número de participantes no evento.

Agradecimentos